Intercâmbio em Brighton, a cidade litorânea mais cool do Reino Unido.

Brighton fica a 1 hora de trem ou 2:30 horas de ônibus saindo do centro de Londres e com certeza vai ser a cidade litorânea mais charmosa e vibrante que você vai encontrar no Reino Unido.



Ela tem tudo que uma cidade grande oferece, com o ar acolhedor de uma cidade pequena. Além de tudo, é considerada a cidade mais gay friendly da Inglaterra! O respeito ao próximo é algo muito forte por lá.

Brighton tornou-se um destino turístico após a chegada da ferrovia em 1841, e a partir daí viu o crescimento populacional crescer, hoje conta com cerca de 480 mil habitantes e a cidade chega a receber por volta de oito milhões de turistas por ano! 

Morei por um tempinho lá, e moraria por toda vida. Aqui eu te explico porque você DEVE incluir Brighton no seu roteiro pela Inglaterra ou até mesmo, escolher a cidade para ser o destino ideal para o seu intercâmbio. Ah, sempre bom lembrar que como estamos em época de Pandemia, o funcionamento dos estabelecimentos talvez seja alterado, é bom verificar no site ou redes sociais de cada um antes de ir.

Intercâmbio em Brighton: 

Eu conheci Brighton através de um amigo que fez um período de faculdade na Universidade de Brighton, e quando fui pesquisar mais sobre o lugar foi paixão à primeira vista. Depois que decidi fazer um mês de intercâmbio na Inglaterra, o mais difícil foi decidir a cidade. Carioquíssima da gema que sou, fiquei fascinada com a ideia de uma cidade à beira-mar e assim eu fui. Planejei tudinho em 6 meses e embarquei para a melhor experiência da minha vida.

O meu nível de inglês avançou muito nessas quatro semanas. O que eu mais tinha dificuldade era o medo da conversação, em errar, em tropeçar nas palavras, e tudo isso eu perdi, e perdi de vez. Até hoje eu consigo me comunicar e conversar sem o medo de falar. Então, eu diria que foi a maior
conquista desse intercambio.

A escolha da Escola:

Meu nível de inglês antes da viagem já era intermediário, por isso foi mais fácil conseguir contatar escolas por conta própria. Eu basicamente joguei no Google, vi avaliações, sites, fotos, vídeos, redes sociais e troquei e-mails com 4 escolas. A escolha final, depois de muita pesquisa, foi pela que cabia mais no meu bolso, era mais afastada do centro e mesmo assim, a uma
quadra da praia.

Minhas aulas eram de 15 horas semanais, o que dá por volta de 3 horas de aula por dia, foi super incrível poder ter essa duração de curso todos os dias, uma coisa muito diferente dos cursos de idioma que eu tinha feito no Brasil.

No primeiro dia na escola, eu cheguei lá bem cedo e fiz uma prova de nivelamento pra saber direitinho para qual nível e turma estava apta a
começar. Peguei meu material, que já estava incluso no valor, e soube o resultado na parte da tarde, o horário que escolhi iniciar as aulas.

Brighton possui uma gama enorme de boas escolas que acolhem estudantes de todas as partes do mundo. Eu por exemplo, estudei com pessoas da Turquia, EUA, França, Itália, África e Japão. Fui a única brasileira na minha sala durante todo o mês do intercâmbio.

Muitas agências brasileiras também fazem pacotes ótimos de várias opções de estudos para a cidade. O valor final que paguei na escola, por 1 mês de intercambio foi de £550 libras.

Acomodação:

A maioria das escolas que eu contatei possuíam a opção de Host Family (Casa de Família). Normalmente essas casas ficam em bairros afastados do centro e da escola, fazendo com que você precise utilizar o ônibus ou bike para se locomover. Por esse motivo sai bem mais barato ficar em Host Family do que escolher uma acomodação própria no centro da cidade. Sem contar que têm a opção de alimentação inclusa, o que é uma boa se você não souber, ou não quiser cozinhar.

A minha escolha, apesar disso, foi feita pelo Airbnb. Como a minha escola não ficava muito no centro, foi mais tranquilo conseguir um quarto em conta perto dela, eu andava só 10 minutinhos para chegar nela, e por volta de 25 minutos até o centro de Brighton.  O valor da acomodação, por 1 mês, saiu por volta de R$2.800 reais.

Alimentação e Lojas:

O mercado Tesco é a rede mais famosa de mercados do Reino Unido, e pra mim, foi a opção mais barata para compras de semana.  Minha primeiríssima compra semanal, que incluía macarrão, frios, iogurte, cereal, ovos, molhos, pão e biscoitinhos custou £14.50 libras. Alguns itens duraram mais de uma semana, tipo o cereal e os iogurtes, mas durante esse tempo morando em Brighton, minhas compras semanais não passavam de £20 libras, mesmo com algumas carnes.



A Loja Poundland era outra opção maravilhosa, ela tem praticamente tudo! De itens de higiene, comida, decoração à itens de papelaria, e melhor: custando apenas £1 libra. Já as lojas de roupa como Primark, H&M e New Look, são ótimas. Vira e mexe tem promoção. Eu comprei suéter por £3 e £6 libras, blusas cropped por £2 libras e as vezes até por £1 libra. São muitas opções, da para deixar a gente doidinha!

Como Chegar em Brighton? 

Avião:
O aeroporto mais próximo é o Aeroporto de Gatwick, que fica a cerca de 1 hora de ônibus até o centrinho de Brighton. Atualmente, a companhia de avião Norwegian opera voos diretos algumas vezes por semana entre Rio de Janeiro e Londres, o que ficou muito mais fácil e barato viajar entre os dois destinos, já que a Norwegian opera esses voos com preços bem abaixo do padrão, principalmente se você optar por não levar bagagem despachada. Lembrando que, por conta da pandemia do COVID essa rota se encontra suspensa.

Ônibus:
A National Express é uma empresa low cost de ônibus e circula por todo Reino Unido, o preço da passagem pode começar em £5 libras. Eu mesma já peguei uma promoção que paguei £15 libras ida e volta para Londres e foi MARA. Os ônibus são confortáveis, com wifi e sem lugar marcado. O ideal é optar pelo destino em Brighton Coach Station, que você salta bem no centro e pertinho da praia.



Do centro de Londres, a principal estação para seguir com destino a Brighton é pela London Victoria Coach Station, e tem a duração de 2:30h. Também é super fácil de chegar de ônibus a partir de outros aeroportos próximos a Londres, pois a maioria conta com a operação da National Express em seus terminais.

Trem:
O jeito mais rápido de se chegar em Brighton é, sem dúvidas, de trem. Você pode pesquisar direitinho no Train Line. O trajeto a partir de Londres dura em torno de 1 hora e tem saída de vários destinos, tais como: London Victoria e London Blackfriars, ambas localizadas no centro da cidade. O preço é bem mais salgado, cerca de £30 libras o trajeto, mas sempre rola promoções de bate e volta, que é o ideal para quem vai visitar a cidade por um dia.

Em um próximo post eu vou te mostrar e contar as atrações mais incríveis dessa cidade! Não deixe de acompanhar o site toda semana para conferir as novidades por aqui. Até lá!


Texto: Karine Ribeiro. 26 anos, é aquariana, carioca e louca pela vida! Novas aventuras, música, séries e viagens. Aos 19 anos fez sua primeira viagem para fora de sua cidade e depois disso, foi só ladeira acima! “Hoje eu vivo para ser feliz e colecionar momentos incríveis, podendno dividir com quem quer somar nesse mundão”. Instagram

Comments

comments