Categories: VIAGEM

CHERNOBYL: A CIDADE FANTASMA

Quem me conhece sabe, eu sou viciada em coisas, lugares, filmes e tudo que é meio macabro.

Coisas bizarras e que meteriam medo em muitas pessoas, para mim são fascinantes! Eu não sei porque eu sou assim, mas eu gosto da sensação de sentir medo. Seja na hora do filme de terror, ou seja depois quando bate a vontade de fazer xixi e preciso andar pela casa escura. Foi assim que eu decidi mais um lugar no mundo que eu preciso visitar: Chernobyl, na Ucrânia.

Muitas pessoas já devem ter visto o filme. Mas vocês sabem o que realmente aconteceu lá?

Cidade de Pripyat, 26 de abril de 1986, na central elétrica da Usina Nuclear de Chernobyl. Uma explosão e um incêndio lançaram grandes quantidades de partículas radioativas na atmosfera, que se espalhou por boa parte da União Soviética e da Europa ocidental. Esse desastre é o pior acidente nuclear da história em termos de prejuízos e de mortes. O motivo dessa explosão até hoje é controverso e mal explicado. Os primeiros dias após o acidente foram os que mais tiveram radiação liberada principalmente em função do vento e das chuvas. Os moradores da cidade foram evacuados, e 10 dias após o desastre a emissão de radiação do reator foi cessada. O governo calculou 15 mil mortes e outras fontes apontam algo em torno de 80 mil. Até hoje milhares de pessoas sofrem os efeitos da radiação.

Agora pense comigo: eu gosto de lugares abandonados. Quão fascinante deve ser, não apenas um lugar, um prédio ou um parque, mas uma cidade INTEIRA abandonada? Os prédios, escolas, igrejas, lojas, mercados, TUDO. Então eu comecei a pesquisar e ler relatos de pessoas que já foram e achei incrível que praticamente todas as reviews sobre o lugar eram muito boas. Todo mundo achou a experiencia muito legal.

Nesse tour você paga em torno de 100 Euros. Eu não sei quantas horas de tour são, mas eu achei vários que diziam ‘‘day tour” então deve ser por várias horas. Antes de entrar você ganha um medidor de radiação, para que as pessoas possam checar o nível de radioatividade por onde andam. São também dadas algumas regras, como não encostar em nada e não entrar em nenhum prédio. Estão todos sem manutenção nenhuma e correm risco de desabar. Também não é recomendado comer nada que esteja lá dentro. Você é levado por um guia para conhecer os principais lugares, incluindo o parque de diversões com a roda gigante que nunca foi inaugurada, e as proximidades de onde o Reator número 4 estava, onde agora existe uma enorme proteção de chumbo, construída para selar a radiação.

Esse vídeo que eu achei só me deu mais vontade de ir:

Eu acho que eu vou curtir demais essa viagem. Já estou planejando e vendo os preços! E claro, se eu for, levo todos comigo através do JenJeans!

Quem vai?

Comments

comments

Michelle

Oii, tudo bem com você? Espero que sim! Me chamo Michelle Alves, tenho 27 anos e sou formada em Publicidade e Propaganda. Sempre me interessei por escrita, arte, fotografia e viagens. Em 2911 eu criei meu primeiro site e em 2014 durante o meu primeiro intercâmbio (Au Pair nos EUA) eu criei o meu canal no Youtube para compartilhar minha vivência em outro país, experiências de intercambista e dicas de como outras mulheres poderiam fazer o mesmo que eu. Voltei ao Brasil em 2015, e ver várias mulheres seguindo meus passos, saindo da zona de conforto e se jogando no mundo como eu fiz, me deu o gás necessário para continuar. Desde 2018 o meu canal no Youtube é o maior no segmento de Intercâmbio! Também amo viajar sozinha, já fiz um mochilão pelo Leste Europeu em 2019, visitei 20 países ao total e ainda quero visitar muitos outros! CONTATO COMERCIAL: contato@mialves.com

Recent Posts

Áustria: Sendo Au Pair no país de Mozart

Se você gosta de viajar e já fez, ou quer fazer um intercâmbio mais acessível,…

2 dias ago

Ano Voluntário Social na Alemanha FSJ

Nos últimos anos a Alemanha tem se tornado um destino muito buscado por intercambistas. Paisagens…

1 semana ago

Melhores e mais confiáveis Agências de Intercâmbio em 2021

Hoje eu vou te ajudar na hora de decidir  entre as melhores e confiáveis agências…

3 semanas ago

Cruzeiro curto ou longo – qual escolher?

Tanto no Brasil, quanto em rotas internacionais, há cruzeiros mais curtos (3 ou 4 noites)…

3 semanas ago

Quais são os passos para voltar à normalidade para as viagens de intercâmbio?

Desde março de 2020 começamos a nos adaptar a um vírus invisível aos nossos olhos…

2 meses ago

Nômades digitais: Viver viajando é uma realidade possível

Deixa eu adivinhar: você tem vontade de meter o pé na estrada, mas acha que…

2 meses ago